sexta-feira, 31 de outubro de 2008

O mundo é dos losers

Deu no Terra:

Japonês quer legalizar casamento com desenho animado

Um japonês lançou uma campanha na Internet pedindo que a legislação do país aceite o casamento entre amantes de quadrinhos e os seus personagens favoritos. Mais de mil pessoas já assinaram a petição online proposta por Taichi Takashita, informa o diário online Metro nesta quinta-feira.

Em entrevista ao jornal The Daily Telegraph, Takashita disse que se sente mais confortável no "mundo bi-dimensional". "Eu não tenho mais interesse em três dimensões. Eu até mesmo gostaria de habitar o mundo bi-dimensional".

"No entanto, parece que isso é impossível com a atual tecnologia
. Portanto, pelo menos seria possível conseguir autorização legal para casar com um personagem bi-dimensional?"

Revistas em quadrinhos (mangás), desenhos animados (animes) e jogos realidade de virtual têm se tornado cada vez mais popular no Japão, com os personagens fictícios freqüentemente sendo elevados ao status de celebridades.

Entre os mais famosos fãs de mangás está o atual primeiro-ministro do país, Taro Aso. Ele recentemente reclamou que não teve tempo para ler nenhum exemplar desde que assumiu o cargo, no mês passado.


Uma pessoa que apóia a petição escreveu: "Há um longo tempo eu só consigo me apaixonar por pessoas bi-dimensionais e atualmente existe alguém que eu realmente amo. Mesmo que ela seja ficcional, ainda é amar alguém. Eu gostaria de ter aprovação legal do sistema a qualquer custo".


O abaixo-assinado de Takashita é lançado apenas alguns dias após uma mulher ser presa por ter "matado" o personagem virtual de seu marido em um popular jogo na Internet.



E eu achava que eu era bizarro.

Um comentário:

Suzana disse...

Eu casava fácil com o Homem Aranha. Tipo agora.